sábado, 14 de julho de 2012

A HISTÓRIA E O UNIVERSO CENTRADOS EM UMA PESSOA


Por Fabio Campos

Texto base: Jo 1.

         Jesus é o intermediário de todas as coisas criadas! A vida está Nele, sempre foi desta forma, pois a criação foi feita por intermédio da Palavra. Sem Ele nada do que existe teria vindo a existir.

          O perdão sempre existiu! Desde a eternidade passada já havia um sacrifício, este de um cordeiro que tira o pecado do mundo. O cordeiro foi morto antes da fundação do mundo! A misericórdia entrou em ação na criação! Desde antiguidade antes que houvesse qualquer coisa, a não ser a Trindade, Deus sabia que o homem iria cair, e a criação foi um ato de amor e benignidade. A consumação foi na tipificação daquele animal morto para a vestimenta de Adão e Eva logo após o pecado, de algo perfeito em sua materialização. Na cruz tudo se materializou! Os propósitos já decretados anteriormente foram consumados! Deus não desistiu da humanidade! Investiu com um alto preço! Sangue puro e inocente de seu próprio Filho!

          A morte trouxe vida! As trevas nunca irão prevalecer contra a Luz. A Luz ilumina todos os homens, mas o mundo não a reconheceu porque suas obras são más. A cada passo que as trevas dão em direção a Luz, as trevas são expostas, e como o homem amou mais as trevas do que a Luz, eles rejeitaram esta Luz bendita para morrerem em sua mediocridade e miserável vida de perdição que são as trevas.

          A Luz alcança e ilumina os nascidos de Deus, não por vontade humana, mas da agua e do Espírito. Deus é Espírito! O homem quando chamado à comunhão junto a Trindade ele passa a ser participante desta natureza, a divina, por meio do Espírito Santo. Se arrependendo e recebendo perdão, justificação e a esperança da glorificação.

          O servo não sabe o que faz o seu Senhor, por isso o Reino é dado aos Filhos, e os Filhos autentificam esta adoção quando se tornam servos de Deus e de todos. Eles veem a glória do Pai, e todos aqueles que o aceitaram deu-lhes o direito de se tornarem filhos, e o nosso espírito testifica com o de Deus que somos filhos, podendo o chamar de “Aba”, Paizinho querido. Não há mais medo!  A glória vista e tocada, esta era Jesus, o Nazareno! Este (Jesus) é cheio de graça e verdade! Nele temos a plenitude de fartura para nossa alma.

         A Lei (Santa e Perfeita) foi dada por intermédio de Moises! O Criador (Deus) em sua perfeição absoluta deu a Lei para que o homem tivesse uma pequena percepção de sua Santidade. Mas foi em Cristo, e somente Nele, que a ira Divina foi satisfeita pelo o cumprimento da Lei, no sacrífico, e na Ressurreição para a justificação de todo aquele que tem fé em Jesus como Senhor e Salvador.

         Aqueles que amaram mais a Luz do que as trevas deixaram de lado suas obras mortas (a vanglória no pecado) e passaram das trevas para uma maravilhosa Luz. Desfrutam de uma paz que excede todo o entendimento, foram reconciliados com Seu Criador, e por intermédio de Cristo herdaram o Reino! Tudo porque Deus em Cristo estava reconciliando o mundo consigo mesmo não imputando os pecados dos homens.

Deus abençoe!

Fabio Campos
sola christus