terça-feira, 19 de junho de 2012

SUCURSAL DO INFERNO; por Márcio de Souza

Por Márcio de Souza

          Junte o capitalismo selvagem praticado hoje em boa parte do mundo ocidental com a igreja evangélica e você terá um resultado explosivo! A união dessas duas forças, resultará fatalmente em uma igreja teologicamente doente, já que o estilo de vida de Jesus é completamente contrário ao "capetalismo". Enquanto Jesus diz que devemos repartir aquilo que temos, andar mais uma milha com que aborrece a gente, o capitalismo diz "passe por cima", "acumule grana e poder".
          Não é isso que temos visto nas igrejas que professam a teologia da prosperidade? Acumule, acumule, enfie sua Mercedes na garagem, amplie a garagem pra colocar também  uma Ferrari. Amplie seus investimentos, atropele quem se opor a você, você nasceu pra ser cabeça e não cauda. Compre imóveis, alugue todos por um bom preço, o mercado está aquecido!
           Esse estilo de vida, despreza aquele que tem menos que nós e faz de nós pessoas mesquinhas que vivem um evangelho mesquinho cheio de pompa e jogando grana pelo ladrão, enquanto a viúva pobre e o órfão padecem fome nos arredores do grande templo. Não importa se eles realizam um "cala a boca" com uma ação social que não representa 0,1% da arrecadação mensal da sucursal infernal, eles poderiam fazer mais, poderiam salvar mais gente da miséria e promover uma sociedade mais justa e igualitária.
           Por causa do que eles fazem, haverá gerações e mais gerações de pobres que vão morrer de fome e assassinados enquanto os pastores estarão chegando nos mega templos em seus carros blindados, com suas bíblias de R$ 900,00. Que Deus te perturbe e te faça enxergar o genocídio promovido por essas sucursais do inferno.
 E no mais, tudo na mais santa paz!
Obs: Ilustração do Reverendo Jasiel Botelho
Fonte: http://www.marciodesouza.com/2009/11/sucursal-do-inferno.html

Observação Fabio Campos: Fica a reflexão para avaliarmos onde está nosso coração. O que almejamos, será  realmente o plano de Deus? Muitos alimentam seus próprios sonhos respaldando seus apetites com o famoso jargão: “Vou honrar a Deus em tal circunstância ou em determinado lugar”. O honrar a Deus começa no abrir dos olhos, e onde está o seu tesouro, ali também estará o seu coração.
Fabio Campos